Rede de atenção psicossocial: adequação dos papéis e funções desempenhados pelos profissionais

Raionara Cristina de Araújo Santos, João Mário Pessoa Junior, Francisco Arnoldo Nunes de Miranda

Resumo


Objetivo: Verificar a adequação dos papéis e funções desempenhados pelos profissionais de nível superior nos serviços da rede de atenção psicossocial de uma capital do Nordeste brasileiro.
Método: Estudo analítico, transversal, de abordagem quantitativa. A amostra foi composta por 65 profissionais de sete serviços da rede de atenção psicossocial de Natal, Rio Grande do Norte, Brasil. Utilizou-se um questionário com perguntas fechadas e semiabertas. Os dados foram analisados através do SPSS versão 20.0, com aplicação dos testes Qui-quadrado e exato de Fisher. Adotou-se nível de significância de 5% (p<0.05).
Resultados: detectou-se inadequação quanto ao atendimento aos grupos de familiares (52.3%), à formação especializada em saúde mental (69.2%; p=0,02) e às condições de trabalho nos serviços (87.7%).
Conclusão: Os papéis e as funções desenvolvidas pelos profissionais nos serviços pesquisados estavam condizentes com a proposta desses serviços, embora convivendo com inúmeras dificuldades.
Palavras-chave: Saúde mental. Serviços de saúde mental. Recursos humanos em saúde. Enfermagem. Papel profissional.


Palavras-chave


Saúde mental. Serviços de saúde mental. Recursos humanos em saúde. Enfermagem. Papel profissional.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447