Estrutura e Fatores Intervenientes na Gestão de Design

Claudia de Souza Libanio, Fernando Gonçalves Amaral, Sérgio Almeida Migowski

Resumo


As empresas brasileiras vêm demonstrando interesse em investir em design, percebendo-o como um elemento estratégico para a obtenção de vantagem competitiva. Sendo assim, este artigo objetiva mapear a estrutura e identificar fatores intervenientes da gestão de design em empresas brasileiras pertencentes à indústria do vestuário. Foi realizada uma pesquisa exploratória, de abordagem qualitativa, com a aplicação de entrevistas em profundidade com quatro especialistas em design de moda. Como resultados, foi desenvolvido um mapa conceitual e elaborada a árvore da realidade atual (ARA), com base no processo de pensamento. Foi possível levantar conceitos relacionados à gestão de design bem como identificar a dificuldade de sua implementação nas organizações brasileiras pertencentes à indústria do vestuário. Ademais, por meio do desenvolvimento da ARA, foram identificadas e elencadas as prováveis causas, ou seja, os eventuais fatores intervenientes capazes de gerar o efeito da não ocorrência da gestão de design nas empresas da referida indústria.

Palavras-chave


Gestão de Design; Mapa Conceitual; Árvore da Realidade Atual

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22456/1983-8026.72296