MATIZES DA LINGUAGEM E RESSONÂNCIAS DA EDUCAÇÃO FÍSICA NO ENSINO MÉDIO

Denise Grosso da Fonseca, Roseli Belmonte Machado, Natacha da Silva Tavares, Sandro Machado, Luan Abel Pereira Pujol, Viviane Dulius de Lima

Resumo


A inserção da Educação Física na Área das Linguagens tem gerado diversos debates. A partir disto, este estudo se propõe a compreender como os professores de Educação Física e os supervisores escolares do Ensino Médio percebem tal inserção. Para tanto, foi feita uma pesquisa situada numa perspectiva pós-estruturalista, desenvolvida em escolas públicas estaduais de Porto Alegre. Este artigo está organizado em cinco seções que apresentam os rumos investigativos, os documentos legais que balizam a discussão, uma reflexão sobre a linguagem, uma análise da posição dos professores e supervisores e as considerações finais sobre o estudo. As interpretações indicam que os docentes entrevistados parecem evidenciar diferentes percepções sobre o lugar da Educação Física nesse novo desenho curricular. Prevalece a ideia de linguagem como comunicação e expressão, desafiando-nos a refletir sobre as possibilidades de ampliar a discussão no âmbito da formação inicial e continuada de professores.

 


Palavras-chave


Educação Física. Linguagem. Ensino Médio.

Texto completo:

PDF-POR


 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
Telefone: 51 33085882 | Fax: 51 33085811
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                                      

 

Apoio