Origens da História Comparada. As experiências com o comparativismo histórico entre o século XVIII e a primeira metade do século XX

José D'Assunção Barros

Resumo


Este artigo objetiva discutir as origens da História Comparada como uma modalidade historiográfica específica, discutindo algumas referências pioneiras no uso das abordagens comparativas desde as primeiras experiências dos trabalhos históricos dos filósofos iluministas e dos autores românticos, até a época da constituição da História Comparada como um novo projeto historiográfico na primeira metade do século XX. Discutindo sua definição e fundamentos, o texto examina alguns tipos e possibilidades de comparativismos históricos, referenciando autores como Marc Bloch, Toynbee e Max Weber.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22456/1983-201X.5405

Anos 90 - Revista do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul